Make a Change Bali

Como de certeza sabem, sou apaixonada por Bali. As pessoas, a natureza, os rituais… Tem tudo a ver comigo. Excepto uma coisa, que ainda hoje quando lá vou me deixa chocada… O lixo. Há lixo nas ruas, há lixo no mato e nos rios. Por todo o lado, é um horror! Simplesmente é uma coisa com que os Balineses não se preocupam muito, acho.

Atenção, não quero julgar ninguém e muito menos todo um povo. Mas realmente foi uma das coisas que notei de todas as vezes que fui a Bali, e hoje vi este vídeo no Facebook e percebi perfeitamente a causa deste John Hardy. Admiro o que ele está a fazer, e por isso mostro-vos.

Também o John ficou chocado com as tremendas quantidades de lixo em Bali, e há décadas que se dedica a limpá-lo. Faz caminhadas para o apanhar, e ao longo dos anos muitos se têm juntado a ele. Entretanto  fundou a Sampah Jujur (lixo honesto, em português), uma iniciativa que procura criar novas soluções para o problema do lixo em Bali, e tem até uma Green School que é o máximo – chamam-lhe a Catedral do Bambu. A Sampah Jujur compra o plástico recolhido nas caminhadas (sendo que qualquer pessoa se pode juntar e as próprias pessoas de Bali começam a aderir), o que cria a possibilidade de as pessoas ganharem algum dinheiro enquanto limpam esta maravilhosa ilha.

Ideias geniais em sítios fantásticos. Adoro.