Work

Olá. Como sabem, tenho estado bastante atarefada com as gravações, e por isso não tenho atualizado o blog tanto quanto gostaria. No entanto, hoje tive de tirar um bocadinho para fazer este post.

Aqueles que seguem o meu facebook com certeza perceberam que ontem tive um dia complicado de gravações. A vida de atriz é mesmo assim, às vezes somos confrontados com realidades diferentes da nossa, mas ontem isso foi mais difícil do que o costume. Dei por mim a pensar no dia-a-dia das muitas mulheres que vivem no terror que é a violência doméstica.

Todos os anos, sao astronómicos os números de mulheres que são vítima de violência doméstica. Vivemos no século XXI, mas este horror continua a acontecer, ano após anos, pela calada. Atinge mulheres de todas as idades, de todas as etnias, de todas as classes, de todas as realidades. A Bárbara é uma personagem de ficção, mas estas mulheres existem: elas são nossas amigas, nossas colegas de trabalho, nossas familiares.

É inacreditável como ainda não se conseguiu por um travão ao drama destas mulheres, aprisionadas em relações abusivas e violentas. Espero que a história da Bárbara sirva para abrir olhos sobre este problema.

20140715-132656.jpg

20140715-132708.jpg

20140715-132714.jpg

Podem obter mais informações através do site da APAV
WWW.APAV.PT

Beijinhos
Jess